Let's talk with // Caia

(créditos: Zé Diogo Lucena)

Conheço a Inês há muitos anos. Estudámos juntas durante imensos anos e é engraçado ver como pessoas que conhecemos há tanto tempo se tornam empreendedores de sucesso. Lembro-me do primeiro dia em que a Caia 'saiu ao mundo' e que pensei: "Que ideia genial. Vai ter sucesso, sem dúvida!". Passados 5 anos, cá estamos nós... a falar com a fundadora de uma marca conhecida internacionalmente :)

1. Fala-nos um pouco da Inês…

[IF] A Inês tem 28 anos, é casada e tem uma filha. Licenciada em Marketing e Publicidade pelo IADE e em multi-task pela VIDA. Adora viajar e os destinos de praia são sem dúvida os preferidos. É uma apaixonada pela vida, pelos amigos e pela Caia.

2. Quando é que começa o teu dia?

[IF] Antigamente começava às 7h da manhã no ginásio, agora troquei os pesos pela minha filha, mas os braços não perderam músculo!

3. O que é que não pode faltar em cima da tua mesa de trabalho?

[IF] Água.

4. Descreve-nos o teu dia. Um dia comum.

[IF] Duas horas depois de acordar, consigo finalmente sair de casa e vou deixar a Luz a casa dos avós. Vou a voar para o escritório, ligo o computador, bebo café, e o mais tardar às 10h da manhã estou ao computador. Trabalho até às 14h, vou almoçar com a Luz e às 15h estou de regresso. O tempo não pára e quando olho para o relógio já são horas de ir para o ginásio. Confesso que nem sempre consigo largar o trabalho para ir ao ginásio, o dia devia ter 48 horas.

5. Para trabalhar: sozinha ou acompanhada?

[IF] Depende dos dias! Por vezes sabe bem estar sozinha, mas duas cabeças pensam melhor que uma. Gosto de trabalhar em equipa.

6. Como e quando é que surgiu a Caia?

[IF] A Caia surgiu em 2012. Eu adoro praia e principalmente “devorar” livros na praia, e para isso não dispenso a companhia de uma almofada para apoiar a cabeça. Acontece que as almofadas existentes eram de merchandising - pouco giras, pouco confortáveis e pouco resistentes; nunca consegui encontrar em lado nenhum uma almofada de praia sem ser de “brinde”. Por isso decidi por mãos à obra e colmatar esta lacuna.

7. O que não pode faltar na mesa de cabeceira?

[IF] O meu telemóvel. Eu sei que é péssimo, mas é o 3 em 1: despertador, agenda e notebook.

8. Rotinas matinais... conta-nos!

[IF] Ao dia de hoje é sempre o mesmo: dar biberon, banho e vestir a Luz.

9. O que é que a tua marca te trouxe de melhor?

[IF] Tantas coisas, é impossível enumerar. Mas a liberdade de horários está no topo da lista, sem dúvida.

10. O teu percurso tem sido fantástico. A Caia tem crescido de ano para ano e tem tido um sucesso incrível. Qual consideras que seja a chave para ter sucesso e para criar uma comunidade fiel?

[IF] Amar aquilo que faço. E tratar os clientes como gostaria que me tratassem a mim.

11. Partilha connosco quais os teus maiores medos durante esta tua jornada. E quais as maiores forças?

[IF] Levei este barco sozinha durante muito tempo, por vezes tive medo de falhar, de não ser capaz de fazer tudo. Dá-me força ver a minha marca valorizada, ver o carinho que as pessoas nutrem por ela e como é óbvio, ver caias na praia!

12. Sendo mãe, como encontras tempo para ti própria, para a criatividade e para criar novos conteúdos?

[IF] Actualmente tenho duas pessoas maravilhosas a trabalhar comigo, são o meu braço direito e esquerdo. Por isso consigo ter (algum) tempo de qualidade com a Luz. Ainda assim, por vezes - demasiadas - há noitadas, jantamos sushi ao computador, não vamos ao ginásio e ficamos com olheiras. Mas eu adoro este stress de vida. E AMO o que faço!

(créditos fotografias: Micucca)

Instagram

Website

#mulheresempreendedoras #entrepreuner #female #interview #entrepreunerfemale #inspiration #calledtobecreative #calledtobecreativemombossgraphicdesignerfem #entrevista

87 visualizações
COPYRIGHT BY JL&COMPANY 2020